» mais
Comentar           Imprimir
Educação
Terça, 13 de fevereiro de 2018, 06h47

Seguem abertas inscrições para bolsas de universidade chinesa na área de saúde pública


O Centro de Pesquisa em Saúde Pública da Universidade de Tsinghua, uma das instituições de ensino superior mais importantes da China, abriu oportunidades de bolsas de estudo para estudantes estrangeiros. A data limite para apresentação de candidaturas, que pode ser acessada na página eletrônica da universidade, é 28 de março de 2018.

As bolsas são oferecidas em parceria com o Ministério da Educação da China e incluem, além do suporte financeiro, acomodação gratuita e as passagens de ida e volta. Podem concorrer funcionários de saúde pública, especialistas em prevenção e controle de doenças e gerentes de programas de saúde de todo o mundo. As bolsas são para o programa de mestrado e pós-graduação internacional em saúde pública.

O curso, todo em inglês, terá duração de um ano. O objetivo é formar líderes qualificados para trabalhar no setor de saúde pública, com foco na melhoria das condições dessa área nos países em desenvolvimento. O programa de mestrado traz ainda uma abordagem inovadora de combinações de palestras, seminários, discussões em grupo, tutoriais e apresentações de outros estudantes.

Os alunos, de acordo com seu interesse, também terão a oportunidade de fazer outros cursos de graduação na China, igualmente ministrados em língua inglesa. Há vagas em cursos eletivos da Escola de Economia e Gestão de Tsinghua, da Escola de Políticas e Gestão Pública e da Faculdade de Direito da cidade chinesa.

Interação – Durante o período de estudo, os alunos terão uma interação de rotina com estudantes chineses, com os quais poderão discutir problemas de saúde globais, além de aprender metodologias avançadas de pesquisa com funcionários de saúde pública convidados.

Clique aqui para mais informações sobre o curso; e, para se inscrever, acesse a página eletrônica da Universidade de Tsinghua. (ACS MEC).


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você concorda com uma candidatura do vice Niuan a deputado estadual?

Não - pois se Emanuel for cassado Cuiabá ficará sem prefeito.
Sim - pois é direito dele como político.
Tanto faz, Mauro Mendes também não teve vice.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114