» mais
Comentar           Imprimir
Educação
Sábado, 29 de dezembro de 2018, 07h32

Projeto de extensão da Faen encerra 2018 presenteando crianças internadas


O projeto de extensão “Cuidar Brincando” da Faculdade de Enfermagem (Faen) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) encerrou a última semana de 2018 presenteando crianças internadas no Pronto Socorro Municipal de Várzea Grande. Os brinquedos foram arrecadados durante o mês de novembro com a campanha “Doe uma Boneca Negra - Novembro Consciente” e a Oficina de Bonecas Abayomi, das quais muitas pessoas participaram e colaboraram, ambos projetos de extensão da Faen.

Com a chamada “Doe uma boneca negra”, a campanha “Novembro Consciente”, promovida pelo Programa Cuidar Brincando, conseguiu arrecadar 25 bonecas negras, recebidas de diversas pessoas da comunidade. A campanha teve como objetivo a reflexão sobre a pouca, e muitas vezes a falta, de diversidade de bonecas negras no mercado e estimular o comércio das mesmas. Já a Oficina de Bonecas Abayomi, realizada em novembro, recebeu como inscrição dos participantes a doação de brinquedos. Ambas as ações resultaram em mais de 80 brinquedos, entregues às crianças internadas no Pronto Socorro Municipal de Várzea Grande e outros destinados para a brinquedoteca para que outras crianças e adolescentes que sejam hospitalizados possam usufruir dos mesmos.

Atualmente, o “Programa Cuidar Brincando” agrega estudantes de Enfermagem, Nutrição e Pedagogia, voluntários e bolsistas do grupo PET Conexões de Saberes Universidade, Saúde e Cidadania e do Grupo de Pesquisa Enfermagem, Saúde e Cidadania (GPESC), sob a coordenação das professoras da Faen, Rosa Lúcia Rocha Ribeiro e Aparecida Fátima Camila Reis.

Segundo os organizadores do projeto, as crianças e familiares receberam os brinquedos com muita alegria e ficaram surpreendidos com o presente inesperado. Durante a entrega, as educadoras do projeto explicaram a origem dos presentes, seus doadores e fizeram uma breve reflexão sobre a importância da oferta de bonecas negras no mercado. Lembraram que as crianças negras têm o direito a uma identidade própria e isso se inicia nas brincadeiras de boneca. A sua negação ou aceitação depende do que é oferecido a elas na infância. Algumas mães comentaram sobre as suas vivências relacionadas ao racismo na infância e parabenizaram as educadoras pela iniciativa.


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Em quem você votaria hoje para prefeito de Cuiabá?

Pedro Taques
Blairo Maggi
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114