» mais
Comentar           Imprimir
Política Nacional
Segunda, 06 de novembro de 2017, 15h52

Para corrigir eventuais falhas, justiça fará teste público de segurança nas urnas


As urnas eletrônicas passarão pelo Teste Público de Segurança (TPS) de 28 a 30 de novembro para identificar e corrigir eventuais falhas e vulnerabilidades. A medida é mais processo para realização das eleições gerais de 2018, quando serão escolhidos o presidente da República e seu vice, além de governadores, vice-governadores, senadores e deputados federais, estaduais e distritais.

Vinte e oito pessoas fizeram sua pré-inscrição para o teste. Eles terão acesso ao código fonte dos sistemas eleitorais e poderão submeter os sistemas eleitorais a ataques ao sistema eletrônico de votação.

O TPS prevê aprimorar os sistemas eletrônicos de votação, e os inscritos poderão identificar eventuais problemas que possam ser explorados a ponto de invadir os sistemas eleitorais. Desde as eleições municipais de 2016, a Justiça Eleitoral ampliou o leque de testes e, agora, além da urna eletrônica e os seus softwares, também são testados os sistemas relativos à Transmissão e Recebimento de arquivos de urna.

A segurança do sistema eletrônico de votação é feita em camadas. Por meio de dispositivos de segurança de tipos e com finalidades diferentes, são criadas diversas barreiras que, em conjunto, não permitem que o sistema seja violado. Qualquer ataque causa um efeito dominó, e a urna eletrônica trava, não sendo possível gerar resultados válidos.

 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114