» mais
Né !
Segunda, 03 de abril de 2017, 16h00

Ararath é conteúdo no Wikipédia

Mato Grosso que conquista destaques negativos em nível mundial ganhou mais uma referência no Wikipédia desta vez sobre a Operação Ararath, desencadeada pela Polícia Federal no ano de 2013 no Estado. 

De tamanho peso e com personalidades envolvidas o Wikipédia informa que a "Operação Ararath é uma operação realizada pelaPolícia Federal (PF), responsável em apurar a realização de pagamentos por parte do Governo de Mato Grosso, em desacordo com as determinações legais, para empreiteiras, além do desvio desses recursos em favor de agentes públicos e empresários através a utilização de instituição financeira clandestina. A análise de documentos apontaram a utilização de complexas medidas de "engenharia financeira" praticadas pelos investigados com o objetivo de ocultar a real destinação dada a valores de precatórios pagos pelo Governo de Mato Grosso em nítida violação à ordem cronológica e determinações legais.[1]. 


O conteúdo virtual destaca que entre os políticos citados
nas fases anteriores da operação e nos vários inquéritos da Operação Ararath estão: o ex-deputado José Riva, o deputado estadual Mauro Savi (PR), o prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (PSB), o ex-deputado e atual conselheiro do TCE, Sérgio Ricardo (PR), o ex-governador Silval Barbosa (PMDB), o ex-secretário de Fazenda, Eder Moraes (PHS), os ex-conselheiros Alencar Soares e Humberto Bosaipo, entre outros. [2]

Por meio da parceria entre o Ministério Público Federal, a Justiça Federal, o Governo do Estado e a Controladoria Geral da União, foi autorizado a utilização dos R$ 483 mil dos valores resgatados pela Ararath, para a impressão de kits pedagógicos para atender 100 mil alunos e professores da rede estadual de ensino [3] - destaca o Wikipédia

 

Busca



Enquete

A retomada das obras do VLT pode ser:

Palanque político para 2018
Mais uma balela sem fim
Confio na solução do problema
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114