Cuiabá | MT 03/07/2022
Auto&motores
Domingo, 12 de dezembro de 2021, 09h22

Sem choro nem vela! Qual nova lei vai 'matar' carros da VW, Fiat e GM?


Neste mês, repeteco de dezembro de 2013 quando Mille e Kombi 'dançaram' por não se adequarem à nova legislação de segurança

 

.


O avanço tecnológico pode ser implacável com modelos obsoletos, pois não vale a pena investir milhões de dólares para equipá-los com dispositivos modernos de segurança ou controle de informação.

Os dois casos mais simbólicos no Brasil foram em dezembro de 2013, quando Fiat Mille e VW Kombi tiveram sua produção descontinuada em função da exigência de airbags e freios ABS em 2014.

A história se repete com as exigências mais rigorosas de limite de encaminhamento da fase L7 do Proconve que entra em vigor em janeiro de 2022.

Como não controla apenas o escapamento, mas outras fontes de aquisição e novos parâmetros, como fábricas investindo para se adequar a estas novas exigências até o final deste ano.

Gases do escapamento

Além de incorporar no motor, como precisar que atuar também no catalisador, que deve ser modificado para atender novas exigências de durabilidade: testes para verificar se o veículo se comporta de acordo com os limites no decorrer de sua vida útil teve prazo dobrado de 80 mil para 160 mil milhas.

E será considerado como anulado de hidrocarbonetos, aldeídos e também o etanol, desviado aos valores do NOx (óxido de nitrogênio).

Emissões evaporativas

Mas uma grande modificação a ser exigida dos fabricantes pelo Proconve L7 está no tanque de combustível, pois haverá um limite de evaporação.
Ou seja, o combustível emite um vapor tóxico recolhido ao cânister, um filtro de carvão que reduz sua toxicidade.

A exigência anterior era o limite de 1,5 grama durante as duas horas de teste numa câmara especial. A atual é bem mais rigorosa, pois exige emissão máxima de 0,5 g por dia.

O controle derivado exige maiores investimentos, pois o cânister deve ser ampliado e até dutos e mangueiras deve ser mais sofisticados para reduzir sua permeabilidade e a quantidade de gases levados para a atmosfera.

Nada simples em diversos modelos pela dificuldade em se ajustar um cânister de maiores dimensões.

Falhas pós-tratamento com  o Proconve L7, veículos a gasolina e diesel devem constar no sistema de diagnóstico todas as falhas no pós-tratamento dos gases de escape. E manter conseqüências falhas na central eletrônica por até um ano.

Está prevista até uma redução do nível de ruído, de 1 a 2 decibéis, de acordo com as características do veículo.

Proconve L8: nada de Dieselgate

A partir de 2022 progressivamente até 2025 (L8), para evitar fraudes nos testes simulados de recebimento, foi criado um novo processo, o Real Drive Emission that, in English, significa como dados reais do carro rodando nas ruas .

Várias fábricas burlaram estas básicas manipulando testes que apresentavam falsos resultados no laboratório, até 40 vezes superiores na prática.

O famoso escândalo do Dieselgate dos motores diesel da Volkswagen flagrados fora das exigências nos EUA. Até no Brasil houve esta fraude, cometida pela Fiat para a homologação do Mille Eletrônico.

Carros que vão sair de linha em 2022

Velhos modelos ainda disponíveis no Brasil estão com seus dias contados, pois não vale a pena investir em carros com vendas baixas para adequá-los às novas exigências do Proconve L7.

Na Fiat, o motor 1.8 ainda produzido na fábrica de Campo Largo (PR) foi eliminado dos modelos nacionais e sobrevive apenas para exportação.

Não compensa também para a empresa manter o Uno, Doblò e Gran Siena. Nenhum deles emplaca 2022.

 

Na linha Volkswagen, o Fox está saindo dos catálogos da empresa e também o motor 1.6 de 8 válvulas.

No caso da GM, a linha Chevrolet tem o Joy (hatch) e Joy Plus (sedã) como carros de entrada no nosso mercado, que só continuam em 2022 para exportação. Os níveis de entrada serão versões mais simples dos Onix hatch e sedã.

AutoPapo




Busca



Enquete

Mesmo com a pandemia voc acha que o setor de sade pblica...

Melhorou muito
No melhorou nada
Est excelente
No sei opinar
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plant�o News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 98431-3114