» mais
Né !

Preso, mas petulante!

Quinta, 19 de abril de 2018

Investigadores da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), juntamente com o núcleo de inteligência da Secretaria de Estado Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), efetuaram buscas, nesta quinta-feira (19), em um cubículo na Penitenciária Central do Estado (PCE), ocupado pelo reeducando Lindomar Rodrigues Madureira, e encontraram (pasmem!!!) 13 aparelhos de telefone celular.

Lindomar que cumpre 40 anos de prisão por condenação nos crimes de tráfico de drogas e roubo. No local os policiais encontraram ainda porções drogas.

O homem é suspeito de estar envolvido em explosões ao muro da Secretaria de Estado de Segurança Pública, em Cuiabá.

Pelo visto muita coisa corre solta dentro da penitenciária, já que mesmo estando preso, Lindomar ainda se acha no direito de praticar um atentado contra o prédio da Sejusp.

.

 

 

 

É Globo e quanto vai custar?

Terça, 17 de abril de 2018

O Governo de Mato Grosso informou que na próxima quarta-feira (18.04), a Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) e o Canal Futura, da Fundação Roberto Marinho, formalizarão um acordo de cooperação e outras ações de natureza educativa. Esta será a primeira parceria entre o Canal Futura e uma Instituição de Ensino Superior (IES) em Mato Grosso.

O evento será realizado no câmpus de Tangará da Serra (a 239 km de Cuiabá), onde a Instituição oferta o curso de Jornalismo. O convênio permitirá projetos educativos e culturais com toda a universidade. A parceria também prevê uma frente de trabalho com o curso de Jornalismo, com os cursos de licenciatura, pesquisa e extensão. Também estão previstos intercâmbios para os alunos com o Canal Futura.

Atualmente o Canal Futura alcança 90 milhões de expectadores no Brasil com um público fiel de cerca de 40 milhões. Entre o público estão 2 milhões de educadores. A reitora da Unemat, Ana Di Renzo, acredita que a parceria será uma grande oportunidade para a universidade mostrar nacionalmente a produção da comunidade acadêmica por meio de projetos de pesquisa e extensão.

O acordo ainda amplia e reforça o conhecimento da comunidade interna e externa da Unemat e divulga o estado de Mato Grosso por meio de seus trabalhos.

Visivelmente bom e importante, falta o Governo informar o valor do custo financeiro da parceria com a empresa da Rede Globo. Ou não há custo?

 

Cidadão mais distante da Assembleia

Segunda, 16 de abril de 2018

E a Assembleia Legislativa de Mato Grosso pelo visto está determinada a ficar cada vez mais distante do cidadão. Depois de instalar catragas no acesso principal e outros pontos de corredores internos, sob a alegação de que é para garantir segurança aos servidores e aos deputados, agora está proibido de vez o cidadão utilizar o estacionamento em frente ao Teatro Zulmira Canavarros, aquele coberto que custou milhões e está próximo da porta de acesso ao prédio.

Eduardo Botelho, presidente da Assembleia Legislativa

A regra agora é o cidadão mortal utilizar "outros espaços" como divulgaram em nota na semana passada: uma opção é o estacionamento do Poder Executivo (ou da SAD), que fica depois da primeira rotatória após a entrada da Assembleia Legislativa (sentido centro-bairro). O mesmo vale para quem for fazer a biometria ofertada no foyer do Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros, de segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 17h.

Ou seja, o estacionamento que a direção da Assembleia se refere fica cerca de 400 a 500 metros onde o cidadão é obrigado a caminhar por uma calçada estreita, sob o aconchegante sol cuiabano ou na chuva.

A direação da Casa alega que os servidores da Assembleia Legislativa seguem expediente de trabalho de segunda-feira a sexta-feira, das 7h às 18h, com cargas horárias diversas, sendo que as assessorias parlamentares diretas também atendem durante os horários das sessões plenárias, que são iniciadas às 17h e podem transcorrer até as 21h, ou depois desse horário, quando ocorrem sessões extraordinárias, nas terças-feiras e quartas-feiras.

O presidente da Casa, Eduardo Botelho, certamente não leva em conta que o cidadão que vai até aquele logradouro público mereça o mínimo de consideração e respeito, já que - ao contrário do servidor que deixa seu carro pela manhã e só retira quando vai embora, o ralé mortal adentra ao recinto e retorna para suas atividades sempre com tempo corrido.

Isso, no mínimo seria razoável respeitar o contribuinte quando ao fatídico trajeto que ele terá de percorrer tendo que utilizar a única opção de estacionamento, a quase 500 metros da recepção da Casa. 

 

Com Piveta, trio imbatível

Domingo, 15 de abril de 2018

Conhecedor dos meandros políticos há mais de três décadas, uma importante referência do PlantãoNews analisou que um trio poderia seguir com mais segurança a vitória se fosse formado por Otaviano Piveta - PDT - (governo), Percial Muniz (vice) e Jayme Campos - DEM -  (senado) nas próximas eleições.

 

O grande mote seria o fato de que a população cuiabana está precisando de um gestor que tenha visão urbanística, conhecimento de administração pública e certa condução política com menos penduricalhos.

Esse perfil certamente cairia bem nas qualidades de Piveta que foi prefeito de Lucas do Rio Verde, uma grande referência urbanística dentre as cidades brasileiras. Percival somaria com a habilidade política e agregaria a região Sul do Estado (Piveta é da regão Norte) enquanto que Jayme seguiria com suas referências - há de se saber se dona Lucimar (sua esposa e prefeita de Várzea Grande) vai gostar da idéia. 

Otaviano também tem a seu favor a questão de não depender financeiramente do Estado e portanto seria (de certo modo) mais confiável quanto a questão de não cometer crimes de corrupção - ou, roubar o erário.

Na semana passada o pedetista teve (digamos) uma recaída ao afirmar que estaria pronto a candidatar-se a qualquer cargo eletivo. Diferente do que havia revelado há tempos atrás que sairia da política... mas pelo visto a política não saiu de Piveta.

Objeto de R$ 10 mil

Segunda, 09 de abril de 2018

Não tanto vistosa, mas uma certa mulher atropelou a nomeação de um antigo servidor de uma Casa e recebe uma confortável renumeração de R$ 10 mil reais por mês.

Para ocupar o cargo, ou melhor, para receber o cobiçado ganho a figura contou com um empurrão de um graduado que, suspeita-se, venha a ser objeto de prazeres do homem que tem poder de decisão para isso.

Em outras palavras: é a amante do suposto superior.  

 

1 - 2 - 3 - 4 - 5

Busca



Enquete

Você concorda com uma candidatura do vice Niuan a deputado estadual?

Não - pois se Emanuel for cassado Cuiabá ficará sem prefeito.
Sim - pois é direito dele como político.
Tanto faz, Mauro Mendes também não teve vice.
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114